Nobreza e Política

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Nobreza e Política

Mensagem  Dungeon Master em Sab Out 27, 2012 10:31 pm

->Política:
Lembramos que cada Reino possui sua política e que cada reino tem suas regras diferenciadas. Como foi descrito no início da criação de Regna, há cinco tipos de governo, a cada um é atribuído uma hierarquia organizada com deveres e vantagens de cada membro desta hierarquia. Vou citar todos os tipos de governo, suas hierarquias, os reinos que os praticam e alguns deveres e vantagens.

.Monarquia.
-É uma forma de governo em que o chefe de Estado mantém-se no cargo até a morte ou a abdicação, sendo normalmente um regime hereditário. O chefe de Estado dessa forma de governo recebe o nome de monarca (Normalmente com o título de Rei ou Rainha) e pode também muitas vezes ser o chefe do governo. A ele, o ofício real, é sobre tudo o de reger e coordenar a administração da nação, em vista do bem comum em harmonia social.

-Os Reinos de Regna que seguem a monarquia são: Ellenamme, Griffin Garden, Kethragoll, Hidrus, Oghua* e Baelael.
(*Possui base hierárquica modificada, mesmo se tratando de uma monarquia.)

-A hierarquia é definida de forma simples e o dever dos nobres é de proteger seus súditos, advogar em caso de impasse quando necessário, promover mudanças pelo bem estar dos comandados dentre outros, enquanto os súditos movem o reino e enchem seus senhores de recursos.
A hierarquia com ordem de importância é:

.Imperador/Imperatriz: Título existente em alguns reinos de Regna comanda o Rei.
.Rei/Rainha: Comanda todo um reino e é o título máximo a não ser que possua um imperador no reino.
.Príncipe/Princesa: Filho (a) direto do Rei, geralmente também é lhe atribuído o título de Duque/Duquesa.
.Duque/Duquesa: Comandam os Ducados, grandes extensões de terras e devem explicações diretas ao Rei.
.Marquês/Marquesa: É responsável por extensões de terra menores do que possuem os duques e devem explicações a eles e à coroa.
.Conde/Condessa: É responsável pelo condado, ou seja, um aglomerado de cidades que estão próximas em questão de distância. Deve explicações a todos acima.
.Visconde/Viscondessa: É responsável por cuidar do condado na falta do Conde e não é um título necessariamente hereditário, por mais que os filhos de um Conde geralmente são Viscondes.
.Barão/Baronesa: É responsável por administrar cidades e povoados em volta das cidades. Este título também é concedido para os cargos militares elevados.

-Os impostos são cobrados em valores de 10% a 40% de seus arrecadamentos brutos, ou seja, tudo o que ganharem deve ser contabilizado e pago como imposto. Os nobres recebem impostos e o governante máximo é que decide o valor do imposto no início de cada ano, o nobre mais baixo, paga imposto para o nobre logo acima dele e assim por diante. Claro que estes valores variam por reino e também quando estão em guerra.

. Elenamme: Este reino geralmente cobra 10% mesmo quando entra em guerra.
. Griffin Garden: Este reino geralmente cobra 10% mas quando em guerra, aumenta para 20%.
. Kethragoll: Este reino geralmente cobra 20% e quando entram em guerra cobra 10%.
. Hidrus: Este reino geralmente cobra 10% e quando entram em guerra cobra 20%.
. Oghua: Este reino geralmente cobra 10% e quando entram em guerra cobra 30%.
. Baelael:Este reino geralmente cobra 30% e quando entra em guerra cobra 40%.

-Para calcular quanto de impostos é gasto, primeiro verificamos quanto é a taxa de imposto do reino, em seguida calculamos todos os nossos rendimentos brutos e tiramos essa percentagem. No caso de construções, o imposto já esta sendo descontado na parte de manutenção. Claro que sempre podemos sonegar o imposto, mas para o próprio bem do personagem, é melhor não deixar que o senhor dele descubra, porque a pena na maioria dos reinos é a morte.

- Para determinar quanto de impostos o nobre coletou, é só rolar na tabela abaixo. Nesta tabela foi levada em consideração uma média de súditos, cidades, lugarejos, vilas comandadas por cada tipo de nobre, por isso alguns diferenciais exorbitantes. Vamos a ela:

-Imperador/Imperatriz:
Base 10% = (2D12 x 10.000PO + 100.000PO)
Base 20% = (4D12 x 10.000PO + 150.000PO)
Base30%= (6D12 x 10.000PO + 200.000PO)
Base40%= (8D12 x 10.000PO + 250.000PO)

-Rei/Rainha:
Base 10% = (2D10 x 5.000PO + 30.000PO)
Base 20% = (4D10 x 5.000PO + 40.000PO)
Base30%= (6D10 x 5.000PO + 50.000PO)
Base40%= (8D10 x 5.000PO + 60.000PO)

- Príncipe/Princesa ou Duque/Duquesa:
Base 10% = (2D8 x 1.500PO + 12.000PO)
Base 20% = (4D8 x 1.500PO + 24.000PO)
Base30%= (6D8 x 1.500PO + 36.000PO)
Base40%= (8D8 x 1.500PO + 48.000PO)

-Marquês/Marquesa:
Base 10% = (2D6 x 1.000PO + 6.000PO)
Base 20% = (4D6 x 1.000PO + 12.000PO)
Base30%= (6D6 x 1.000PO + 18.000PO)
Base40%= (8D6 x 1.000PO + 24.000PO)

- Conde/Condessa:
Base 10% = (2D4 x 1.000PO + 1.500PO)
Base 20% = (4D4 x 1.000PO + 3.000PO)
Base30%= (6D4 x 1.000PO + 4.500PO)
Base40%= (8D4 x 1.000PO + 6.000PO)

- Visconde/Viscondessa ou Barão/Baronesa:
Base 10% = (2D4 x 500PO + 1.000PO)
Base 20% = (4D4 x 500PO + 2.000PO)
Base30%= (6D4 x 500PO + 3.000PO)
Base40%= (8D4 x 500PO + 4.000PO)

Atenção! Estes impostos são cobrados anualmente como uma taxa única.

-Um dos grandes deveres de um nobre é proteger as suas terras e o povo que existe nelas. É de responsabilidade do nobre, cuidar da segurança e bem estar de seus vassalos. Para isso ele deve disponibilizar tropas de milícia, proteger as estradas, lidar com ataques e etc. A manutenção das construções utilizadas coletivamente dentro das terras do nobre também é de responsabilidade dele, sendo que para algumas, é cabível cobrar pequenas taxas mensais para uso, por exemplo, o moinho.

.Magocracia.
É uma forma de governo onde os detentores da magia arcana possuem grande poder político. O governante geralmente é o conjurador arcano mais poderoso do reino e pode ser desafiado em datas específicas por pessoas qualificadas a tomar seu posto. Em uma magocracia geralmente quem não possui nenhuma aptidão para o arcano é totalmente desprezado podendo chegar ao extremo de virar escravo. Este tipo de sociedade é rica na arte da magia e geralmente detém universidades, escolas, academias de magia sendo que na parte militar possuem conjuradores altamente treinados. Na magocracia pode existir também um conselho arcano superior e o líder pode ser retirado deste grupo, que é politicamente alterado se for necessário para que o poder do reino não fique limitado.

-Os reinos de Regna que seguem a magocracia são: Djar e Shahalla.

-A hierarquia é constituída levando em consideração o poder do conjurador, o conhecimento e os benefícios que ele traz com seus dotes. Esses títulos não são passados por hereditariedade por mais que se o filho de um grande mago chegar ao ponto de se comparar a seu pai, ele tem preferência em assumir o cargo de seu patriarca. Assim como na monarquia, os de classe hierárquica superiores possuem o dever de cuidar dos menos afortunados enquanto os de classe hierárquica menor geram recursos para os maiores.
As castas são:

Gão Vizir/ Grã Vizir: Comanda todo um reino e é o título máximo, todas as fontes e recursos de poder estão ao seu alcance.
Vizir: Comandam extensões de terras semelhantes a Ducados e assim como os duques devem obediência ao Grão Vizir.
Arch Mago/ Arch Maga: É responsável por comandar exatamente três vezes menos território que um Vizir e está subordinado a ele.
Regente: É responsável por uma extensão de terra equivalente a um condado. Assim como o conde, presta explicações aos de hierarquia mais alta.
Adepto/Adepta: É responsável por administrar cidades e povoados em volta das cidades, todas as fontes de poder arcano dentro de seu território são supervisionadas por ele.

-Assim como em uma monarquia, a magocracia cobra seus impostos, porém são cobrados ao valor de 10% a 20% de seus arrecadamentos brutos, ou seja, tudo o que ganharem deve ser contabilizado e pago como imposto. Os membros das castas recebem impostos e o governante máximo é que decide o valor do imposto no início de cada ano, o de casta mais baixa, paga imposto para o de casta logo acima dele e assim por diante. Claro que estes valores variam por reino e também quando estão em guerra.

.Djar: Este reino geralmente cobra 10% mas quando em guerra, aumenta para 20%.
. Shahalla: Este reino geralmente cobra 20% mas quando em guerra não aumenta o imposto.

-Para calcular quanto de impostos é gasto, primeiro verificamos quanto é a taxa de imposto do reino, em seguida calculamos todos os nossos rendimentos brutos e tiramos essa percentagem. No caso de construções, o imposto já esta sendo descontado na parte de manutenção.
- Para determinar quanto de impostos o membro correspondente da casta coletou, é só rolar na tabela abaixo. Como dito antes tudo foi levado em consideração para a criação da tabela.

- Gão Vizir/Grã Vizir:
Base 10% = (2D10 x 5.000PO + 30.000PO)
Base 20% = (4D10 x 5.000PO + 40.000PO)

- Vizir:
Base 10% = (2D8 x 1.500PO + 12.000PO)
Base 20% = (4D8 x 1.500PO + 24.000PO)

- Arch Mago/ Arch Maga:
Base 10% = (2D6 x 1.000PO + 6.000PO)
Base 20% = (4D6 x 1.000PO + 12.000PO)

- Regente:
Base 10% = (2D4 x 1.000PO + 1.500PO)
Base 20% = (4D4 x 1.000PO + 3.000PO)

- Adepto/Adepta:
Base 10% = (2D4 x 500PO + 1.000PO)
Base 20% = (4D4 x 500PO + 2.000PO)

Atenção! Estes impostos são cobrados anualmente como uma taxa única.

-O dever de um membro de Casta é similar a de um nobre da monarquia, porém antes do povo, vem a magia. Seus maiores deveres são para com as áreas de poderes mágicos, objetos arcanos preservados em suas terras, locais e pessoas de grande conhecimento, e apenas depois disso eles devem realizar os procedimentos normais de um nobre da monarquia.

.Aristocracia.
É uma forma de governo na qual o poder político é dominado por um grupo elitista. Normalmente, as pessoas desse grupo são da classe dominante, como grandes proprietários de terra, comerciantes, burgueses e semelhantes. O status desta política é o dinheiro. Quanto mais recursos monetários você possui, quanto mais posses você tem, maior é teu direito político sobre os outros. A Aristocracia geralmente está intrinsecamente ligada com outro tipo de forma de governo, pois está quase extinta devido à monarquia que sucede com perfeição esta forma de governo. Em Regna, o único reino que ainda é adepto da Aristocracia é Belladonna e mesmo assim já está em processo de mudança para Monarquia sendo que nem a classe hierárquica possui completa. No reino em questão, a única classe hierárquica da antiga Aristocracia é o Burgo Mestre. Como já não possuem reinos com a base normal desta forma de governo, seria irrelevante adentrar suas regras e costumes maiores.

.Teocracia.
É a forma de governo baseada na religião. No caso de Regna, é chamada de “governo dos abençoados”. O poder político está completamente nas mãos dos devotos das divindades. A maioria das Teocracias são similares à monarquia, mas uma vez escolhido o líder, ele permanece no cargo por toda a vida. O povo não pode questionar a palavra de uma divindade ou de seu representante. Os Teocratas encaram seus líderes como em ascensão a divindade ou como semi-divindades. Os governantes do passado e às vezes os atuais, são cultuados como deuses ou como um aspecto de seu deus. Tais governantes detem poder absoluto, e sua linhagem sanguínea carregam o direito divino de governar, por isso seus sucessores são escolhidos entre seus descendentes. Nesse caso, o governante não precisa ser um servidor divino como um clérigo, por exemplo, ele pode ser de qualquer classe, afinal ele mesmo é uma divindade para seu povo. Neste tipo de Teocracia, é possível que até mesmo uma criança seja escolhida como governante se possuir sangue divino. Outras regras para Teocracia também são aplicadas, isso depende de cada reino. O mais comum em Regna, é que um governo Teocrata seja governado pelos sumos sacerdotes das religiões mais cultuadas no reino.

-Os reinos de Regna que seguem a Teocracia são: Markath e Varaess.

-A hierarquia de uma Teocracia é simples, pois é contada por sua função e posição divina.
São elas:

.Sumo Sacerdote/ Sumo Sacerdotisa: Que possui poderes absolutos, tomando decisões militares, religiosas, econômicas e judiciais além de ser o dono nominal de todas as terras.
.Nomarca: Os nomarcas administram as províncias imperiais, controlam o arrecadamento de impostos, fiscalizavam as obras públicas, os celeiros reais, participam do alto tribunal de justiça e chefiam as tropas.
.Cardeal: Administram extensões de terra menores que os Nomarcas e são responsáveis por conjuntos de templos, são conselheiros do sumo sacerdote.
.Arcebispo: Administram os templos, cultos e as festas religiosas e usufrui de terras, isenção de impostos e prestígio.
.Bispo: Cobram impostos, organizam as leis e a escrita, determinam o valor das terras, copiam poemas, hinos e histórias, escrevem cartas, realizam censos populacionais e calculam os estoques de alimentos, produção agrícola, área de terras aráveis, atividades comerciais, de soldados, necessidades do palácio, etc.

-Os impostos cobrados pela Teocracia são fixos e todos devem contribuir com 10% de seus ganhos para com o Bispo responsável de sua região. Este Bispo repassa para as categorias acima até chegar ao sumo sacerdote. Diferente de outras formas de governo, nesse ponto os lucros de impostos geralmente não são utilizados pelos beneficiados e sim pelos templos, igrejas e gasto com as necessidades do povo e das categorias acima. Lembrando que neste caso os impostos são cobrados anualmente, porém os templos recebem doações generosas todos os meses.

-Para calcular o quanto dos impostos chega a cada parte da sociedade superior de uma Teocracia é só verificar na tabela:

-Sumo sacerdote/ Sumo sacerdotisa:
Base 10% = (2D12 x 10.000PO + 100.000PO)

-Nomarca:
Base 10% = (2D10 x 5.000PO + 30.000PO)

-Cardeal:
Base 10% = (2D8 x 1.500PO + 12.000PO)

-Arcebispo:
Base 10% = (2D6 x 1.000PO + 6.000PO)

-Bispo:
Base 10% = (2D4 x 1.000PO + 1.500PO)

Lembrando que o comum é que essa riqueza seja convertida em benefícios para o receptor e para o Reino.


.Anarquia.
Em Regna este governo possui uma fundação diferenciada. Esta forma de governo se opõe às proteções e joguetes políticos como meio de sobreviver soberano deixando expostos seus governantes para que sejam desafiados. Na prática o jogo político é intenso e muitas vezes é mais letal do que em governos comuns. Nunca uma anarquia durou muito tempo em Regna, a não ser aliada a outra forma de governo, o que retira o propósito. Dessa forma este tipo de governo ou não-governo perdeu força e hoje está reduzido a meras práticas de autorização de desafios para os líderes.

-Atualmente Deltha, Goflien e Vereerd são considerados mais próximos deste tipo de governo, porém todos eles são associados à monarquia.

- Para identificar as demais informações, vá até a forma de governo que está associada à Anarquia.

.Estrutura Tribal ou de Clãs.

Uma tribo ou clã geralmente tem um único líder que detém grande poder, quase absoluto, como o de um monarca. Embora os governantes sejam membros de uma única linhagem sanguínea, a escolha é feita com base em sua capacidade de governar. Eles são continuamente avaliados com base nesse critério e substituídos quando não cumprem suas funções. Geralmente existe um conselho de anciões para escolher e avaliar o líder. De fato, algumas vezes esse conselho só se reúne com esse objetivo, noutras, também serve para aconselhar o líder. Algumas tribos possuem três líderes, sendo um deles o principal citado acima, o outro um xamã líder e o terceiro um líder de guerra. As tribos existem como uma estrutura social agrupando diferentes unidades familiares dispersas com o propósito de se fortalecerem e trabalharem em conjunto. Os clãs desempenham uma função semelhante, mas têm a peculiaridade de serem unidades familiares ampliadas. Não apenas membros da mesma família adentram uma tribo ou clã, mas assim que adentram, passam a ser considerados assim.

-A hierarquia é simples, há um líder ou os líderes e mesmo eles ajudam na maioria das coisas. Algumas tribos possuem estruturas menos formais e outras mais formais dependendo da tribo, porém o acúmulo de riqueza é o mesmo, apenas para garantir a sobrevivência, poderio militar e bons recursos naturais.

-Os locais de Regna que possuem tribos e clãs são: Tribos do Norte, Tribos do Subterrâneo, Tribos das sombras de Kensherberk, Tribos da floresta de Vanfir, Nômades do deserto.
avatar
Dungeon Master
Admin

Mensagens : 312
Data de inscrição : 10/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum