Lidando com a Inimiga

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Lidando com a Inimiga

Mensagem  Yorick em Seg Mar 12, 2012 11:59 am

Assim que recebe a notícia de que Lord Montano será convocado á presença de Lady Leona, Mihaela decide ter uma conversa com Letizia.

A Lasombra parece calma e focada, ela observa Mihaela entrar no quarto apenas com os olhos, sentada no chão, encostada na parede e abraçada aos joelhos. Ela parece sem emoções, mas sorri discretamente ao ver a Brujah, esperando que ela inicie a conversa.

_________________
avatar
Yorick

Mensagens : 543
Data de inscrição : 06/02/2011
Idade : 39
Localização : Vereerd

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Lidando com a Inimiga

Mensagem  Dungeon Master em Seg Mar 12, 2012 4:37 pm

Mihaela retribui o sorriso. " não combina com você esta pose e nem onde está sentada. A situação não é boa para você Letizia, afinal entendo que gostaria de ter saído vitoriosa e também compreendo que perdera o apoio de pessoas que nunca imaginara perder. Dizem em minha terra que apenas depois de cruzar com uma pessoa em batalha você compreende de verdade a outra pessoa. Ouzo dizer que consigo compreendê-la um pouco, não muito, mas apenas um pouco. Vi em teus olhos o quão grandiosa és e também reparei em teus movimentos a fúria que não a deixava recuar além do peso que pendia em vossos movimentos a dor de uma traição. Compreendo estas palavras assim como a senhora deves compreender também. Estou certa?"
avatar
Dungeon Master
Admin

Mensagens : 312
Data de inscrição : 10/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Lidando com a Inimiga

Mensagem  Yorick em Seg Mar 12, 2012 5:13 pm

Letizia assume uma postura mais relaxada e se ajeita na parede, mas não se levanta.

"Não esperava menos de uma guerreira honrada como vc Mihaela. Durante todo este tempo em que fomos adversárias, tu e tua senhora foram estudadas por mim á exaustão. Desde o início eu sabia que não poderia vencê-las, mas nunca desisti de uma batalha e não seria desta que desistiria. Meus motivos são bem mais profundos do que todos acreditam, mas estou contente em ter ficado até o fim. Imagino que meu destino esteja nas mãos de sua senhora, só peço que me concedam a morte de um guerreiro."

Ela se ergue delicadamente e se senta na cama.

"Sim fui tradia, da forma mais dolorosa que podia ser. Traida por meu senhor, a quem dediquei a pós vida de séculos, traída pelo meu próprio clan, por quem dei o sangue. Só não fui traida pelo abismo, esse, uma vez dominado, é eternamente fiel."

_________________
avatar
Yorick

Mensagens : 543
Data de inscrição : 06/02/2011
Idade : 39
Localização : Vereerd

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Lidando com a Inimiga

Mensagem  Dungeon Master em Seg Mar 12, 2012 5:34 pm

" Eu bem que gostaria de ter percebido vossa convicção antes e gostaria neste instante acreditar que realmente não possua nada pessoal contra mim ou contra minha senhora, foi um jogo de poder no qual a senhora mesmo disse não ter chances, porém não é o que acredito, vejo em você uma pessoa perspicaz e sábia, não me engano que entraste em uma causa perdida a toa, então gostaria muito de saber qual é o vosso objetivo se não for pedir muito."
avatar
Dungeon Master
Admin

Mensagens : 312
Data de inscrição : 10/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Lidando com a Inimiga

Mensagem  Yorick em Seg Mar 12, 2012 11:23 pm

"Não serei dissimulada a ponto de dizer que morro de amores por vossa senhora, senhorita Mihaela, mas além da eterna rivalidade entre nossos clans, que por si só raramente permite uma relação entre Ventrues e lasombras que não seja de disputa, não tenho um motivo específico para odiá-la. Governei cantrbury por Séculos e sempre tive a presença dos Ventrue no limite da tolerância. Mas Lord Mithras decidiu que Canterbury deveria ser apenas dos Ventrue, assim como ele acredita que toda a Bretanha o é, e então fui obrigada a defender meus interesses. No entanto, quando a revolta anarquista explodiu, minha vontade era deixar a cidade nas mãos de alguém de confiança e ir para perto de meu Pai para protegê-lo, a questão é que meu pai havia me vendido. Em todo o seu "amor incondicional" ele não pensou duas vezes antes de negociar meu sangue com líderes da revolta anarquista em troca da garantia de que mais nenhum matusalém seria atacado por eles.
Eu descobri isso muito antes do que ele imaginava e então fiz uma contra proposta aos anarquistas. Eu os ajudaria a destruir Montano e os outros matusaléns do clan se me dessem um lugar entre eles. Eles aceitaram porém antes que eu pudesse agir, Mikaila e seus comandados vieram em nome de meu pai e propuseram a sua senhora este acordo sórdido. Meu pai retirou tudo o que podia de mim e me deixou encurralada por sua senhora e seus aliados. Recorri aos outros seres que me ajudavam fora do clan e na Inquisição e descobri que minhas forças estavam corrompidas por um ser que se dizia o próprio anjo Gabriel. Ele tomou o controle do alto comando dos inquisitores, mas na verdade é o líder de toda a Heresia Cainita, o servo de um demônio, uma feiticeira maldita chamada Antonella Blackside. Recolhi os soldados ainda fieis a mim e avancei contra eles, mas a maldita tinha algo que me fez parar. Minha prole Augusta estava em poder dele e ele ordenou que eu enfrentasse Leona e provocasse o maior prejuizo possível em suas forças. E assim eu fiz, até que vocês finalmente terminaram com tudo. Imagino que minha prole agora deve ter encontrado a morte final nas mãos daquele demônio, ou algo pior pois com o que meu pai me deixou, não fui capaz de provocar tantas perdas a vocês como seria com todas as minhas forças..."

Ela parece apática, como se todas as emoções lhe tivessem sido tiradas.

"Você pode se perguntar. Por que Lord Montano fez o que fez comigo? Por que ele vendeu o sangue de uma prole tão dedicada desse jeito, de uma maneira tão sórdida? Simplesmente por que eu amo o primeiro dos Lasombra a desafiar seus comandos e se aliar aos Ventrue. Sebrian Kyle é seu nome e eu o amo mais que minha propria existência. Montano ficou tão furioso por eu ter me envolvido com o traidor que me ordenou que o destruisse, sob pena de não mais ser reconhecida como sua filha. Como a senhorita pode ver, Sebrian continua sua pós vida e eu escolhi a deserção."

Ela sorri quando fala dele, e ao mesmo tempo morde os lábios de ódio, como se tivesse orgulho de ter desafiado o senhor

_________________
avatar
Yorick

Mensagens : 543
Data de inscrição : 06/02/2011
Idade : 39
Localização : Vereerd

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Lidando com a Inimiga

Mensagem  Dungeon Master em Seg Mar 12, 2012 11:43 pm

" Sobre a Heresia cainita, sabe como achá-los? Onde encontrá-los? Seria de grande valia se me ajudasse a encontrar os verdadeiros inimigos pois estamos os combatendo a muito tempo e no fim, talvez conseguíssemos vingar vossa prole. O que me diz ? Poderia me dar as informações que possui sobre a conspiração?"
avatar
Dungeon Master
Admin

Mensagens : 312
Data de inscrição : 10/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Lidando com a Inimiga

Mensagem  Yorick em Ter Mar 13, 2012 12:16 am

" O Grande problema em relação a Heresia é que eles se misturaram com duas outras Ordens dentro das sociedades cainitas ocultas que ha séculos estudam a história de nossa raça e buscam os segredos do livro de Nod e de nosso Criador, Cain.
Uma delas são os Bahari, grupo do qual eu faço parte. Somos vampiras devotas de Lillith e buscamos os ensinamentos msiticos e a sabedoria da primeira mulher. Muitos dizem que Lillith é a senhora de todos os Demônios, mas os Bahari não são infernalistas. Não nos aliamos a demônios muito menos os invocamos. Obviamente nos tornamos presas fáceis para os membros da Heresia.
O outro grupo são os Nodistas. Vampiros obcecados por conhecimentos e cultuadores de Cain. Foi dos Nodistas que a Heresia Cainita tirou suas fundações filosóficas absurdas, de que Cain seria Cristo. Por que para os Nodistas, cain é um verdadeiro Deus e que se aproximar dele e de tudo que ele ensinou é o verdadeiro caminho para a Golconda. A Heresia em si é um movimento que busca destruir os padrões da sociedade Cainita. Eles pregam a superioridade Vampírica sobre os humanos e que nós, como seres superiores deveríamos escraviza-los e tomar o Mundo para nós. Eles se denominam A Espada de Cain e acreditam piamente serem os escolhidos dele para cumprir essa missão. No entanto, Demônios e Baalis se aproveitam do fanatismo de alguns anciões idealizadores da Heresia para se infiltrar e levar o grupo a cometer atrocidades e a realizar seus planos. A Grande Líder não é uma vampira e sim uma Feiticeira infernalista, escrava de um Demônio chamado Belial, seu nome é Antonella Blackside e foi ela que planou a semente da discórdia nos jovens cainitas para que se revoltassem contra seus fundadores. Não que os Anarquistas sejham todos marionetes, ela foi habil em escolher as peças certas, assim como nenhum dos anciões é inocente no que diz respeito aos abusos contra suas proles, eu que o diga...O que sei sobre suas bases é que possuem três grandes centros de comando. Um fica em Atenas, o outro na Romênia e o mais poderoso em Thorns, na França."

_________________
avatar
Yorick

Mensagens : 543
Data de inscrição : 06/02/2011
Idade : 39
Localização : Vereerd

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Lidando com a Inimiga

Mensagem  Dungeon Master em Ter Mar 13, 2012 12:26 am

"Se a proporção é esta, se eles são uma ordem tão grande, porquê se interessaram na disputa de Canterbury? O que tem aqui ou em minha senhora que faça com que valha a pena perder tempo e recursos de uma ordem tão grande? Letizia, eu gostaria de saber onde eles estão se escondendo aqui em canterbury e onde sua prole foi feita cativa? Poderias me dizer?"
avatar
Dungeon Master
Admin

Mensagens : 312
Data de inscrição : 10/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Lidando com a Inimiga

Mensagem  Yorick em Ter Mar 13, 2012 12:37 am

" A Heresia tem alguma coisa diretamente contra Lord Mithras. Não sei ao certo o que. Sei que a tal feiticeira é uma especialista em mitologia antiga e que tem uma tara por Mithras e sua história. No inicio de meus contatos com eles, ela tentou me chantagear para descobrir tudo que pudesse sobre ele, mas eu os convenci que se existe alguém na face da Terra que nunca teria acesso a alguma informação importante sobre um matusalém Ventrue, esse alguém seria eu. Acredito que a Heresia entenda que o Baronato de Avalon é o modelo de Governo cainita mais estável e forte e com mais chances de sobreviver aos séculos, logo pretende destrui-lo por completo, assim como fez com o Feudo do Mar de Sombras e está quase conseguindo fazer com a Corte do Amor.Que eu saiba eles não tem base em Canterbury, eles se instalaram em Dover e possuem uma grande reserva de recursos em Londres, sob os cuidados do querido primogênito de Mithras, Lord Stefanos. Minha prole foi capturada na Espanha enquanto fugia dos ataques anarquistas"

_________________
avatar
Yorick

Mensagens : 543
Data de inscrição : 06/02/2011
Idade : 39
Localização : Vereerd

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Lidando com a Inimiga

Mensagem  Dungeon Master em Ter Mar 13, 2012 12:47 am

"Fico muito agradecida pela quantidade de perguntas que respondeu Lady letizia, a senhora é digna de muito respeito assim como eu pensava. Quanto a lhe dar uma morte de guerreira, infelizmente eu não posso. Vosso pai, Lord Montano está vindo pessoalmente buscá-la e até onde nós sabemos, ele lhe quer muito bem, tão bem que propôs aliança a Lady Leona e sua maior preocupação foi com vosso bem estar. Logo ele chegará, porém enquanto isso, há algo que posso fazer pela senhora?"
avatar
Dungeon Master
Admin

Mensagens : 312
Data de inscrição : 10/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Lidando com a Inimiga

Mensagem  Yorick em Ter Mar 13, 2012 1:16 am

"Puro fingimento!!!"

ela grita furiosa por um momento, mas se recompoe

"Peço perdão senhorita, não desejava me exaltar...o fingimento de meu pai não conhece limites, ele acredita que com esse ato de piedade falsa irá enganar a vocês sobre meu destino. Se há algo que a senhorita pode fazer por mim? Sim há...avise sua senhora que tome providências em relação a segurança dela e de seus aliados, pois eu farei com que Montano me destrua aqui mesmo e ele pode não ser muito sutil no modo como fará isso..."

Ela parece decidida.

_________________
avatar
Yorick

Mensagens : 543
Data de inscrição : 06/02/2011
Idade : 39
Localização : Vereerd

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Lidando com a Inimiga

Mensagem  Dungeon Master em Ter Mar 13, 2012 1:29 am

Mihaela parece surpresa
" Minha senhora, não faça isso. Talvez se delongares sua estada como prisioneira depois que for para as mãos de Lorde Montano poderá ter uma chance para escapar. Peço que tenhas paciencia, porém alertarei minha senhora de qualquer forma. Por favor, lembra que a um guerreiro honrado, o destino tem sempre a justiça."
Após estas palavras Mihaela faz uma reverencia para Letizia como se ela reconhecesse a lasombra como ainda uma espécie de príncipe e se retira da sala. Mihaela toma todas as precauções para que Nada afete Leona e que se Montano realmente "estourar", Mithras não precise entrar em cena. Ela também pede a Leona que receba montano com sua armadura e espada.


Bem P, acho que sobre este tópico fechou aqui. As respostas e outras coisas podem muito bem continuar no tópico da chegada do Montano. Vlw mesmo P!
avatar
Dungeon Master
Admin

Mensagens : 312
Data de inscrição : 10/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Lidando com a Inimiga

Mensagem  Yorick em Ter Mar 13, 2012 6:32 pm

Fim de Cena

_________________
avatar
Yorick

Mensagens : 543
Data de inscrição : 06/02/2011
Idade : 39
Localização : Vereerd

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Lidando com a Inimiga

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum